Reunião Pedagógica
03/02/2017
Para uma terapia ter sucesso
29/04/2017
Mostrar todos

Por que meu filho não aprende?

Você já pensou que o Não Aprender pode ter uma função? Uma função positiva? Não se pode interpretar um problema de aprendizagem sem saber onde ele está aprisionado*. Para isso precisamos observar todo o contexto em que ele opera, sendo necessário nos atentar não somente para o funcionamento cognitivo, mas, a todo o ambiente ao redor.

A aprendizagem se dá no relacionamento do indivíduo com o meio que o cerca. Todos são agentes ativos, capazes de construir conhecimentos dentro daquilo que tem significado naquele momento.

O processo de aprender envolve, não só recursos pessoais ou internos, mas, vínculos entre quem ensina e quem aprende. Nessa relação de troca, onde em alguns momentos quem ensina também aprende e vice-versa, a criança terá oportunidade de construir de forma, autoral, individual, seu conhecimento.

O professor deve acreditar e desejar que o aluno aprenda. Os pais devem desejar e acreditar que o filho aprenda. Para isso, não basta transmitir informações e conteúdos sistematizados. Ensinar vai muito além disso, aprender também…

Como saber se seu filho aprendeu? Ora, você só sabe se seu filho aprendeu a andar de bicicleta quando ele Anda de bicicleta. O mesmo é quando você Ouve seu filho argumentar, você só sabe se ele entende a vida ao seu redor quando você dá ouvidos ao que ele está falando.

Na prática, muitas vezes o que vemos são famílias angustiadas em busca de ajuda para a dificuldade de seus filhos, mas, com muito pouco entendimento, ou melhor intimidade com essas crianças.  Buscam-se rótulos, justificativas para o problema, nomes para as dificuldades, especialistas para ajudar.

Proponho, então, que mudemos a questão acima: POR QUÊ meu filho não aprende para COMO meu filho aprende?… Essa pergunta mudará todo o olhar para o indivíduo, e não teremos mais um problema… mas, o sinal da solução!

Lembre-se do que eu disse acima: Os pais devem desejar e acreditar que o filho aprenda. Os professores também!

O programa de reforço escolar e tutoria, não só se propõe a diagnosticar as dificuldades da aprendizagem, mas, a construir os caminhos para a aprendizagem. Se você conhece alguém que passa por essa angústia ou deseja se aprimorar para trabalhar melhor com seus filhos, faça parte desta comunidade! Compartilhe com seus amigos, colegas de trabalho e vamos realmente construir juntos!

Patrícia Soares – Psicóloga

*Termo usado por Alícia Fernandez (A Inteligência Aprisionada)

Comentários

2 Comentários

  1. Amanda disse:

    Meu filho tem dificuldade pra ler
    Já tentei de tudo mais
    Em número ele é ótimo mas. Em português não vai

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *